Greve no Serpro: TST marca audiência de conciliação

Fonte: Convergência Digital – http://goo.gl/lSKFHw

O Tribunal Superior Tribunal agendou para o dia 26 de outubro a audiência de Conciliação do Dissídio Coletivo de Natureza Econômica entre o Serpro e seus trabalhadores. Sem acordo com a diretoria do estatal, a Federação Nacional dos Empregados em Empresas e Órgãos Públicos e Privados de Processamento de Dados, Serviços de Informática e Similares (FENADADOS), protocolou nesta terça-feira, 20/10, o dissídio coletivo de natureza econômica em desfavor do Serpro.

A entidade também entrou com solicitação na Ação Civil Pública do SINDPD-PA, com o intuito de estender os efeitos da liminar para todos os/as trabalhadores/as da empresa. Os funcionários do Serpro entraram em greve no dia 08/10, e reivindicam uma resposição de 8,17%. A estatal, segundo a própria Fenadados, teria feito uma proposta “de reajuste salarial 5,5% retroativo sendo 50% em dez/15 e 50% jan/16 cartela extra tíquete”. O Serpro, por sua vez, não se manifesta com relação à greve.

Já os funcionários avisam que aderiram à paralisação, as unidades em Brasília e mais 10 capitais (São Paulo, Rio de Janeiro, Belém, Belo Horizonte, Curitiba, Fortaleza, Florianópolis, Porto Alegre, Recife e Salvador). A estatal não se pronuncia, mas há notícias chegando ao Convergência Digital que serviços começam a ser prejudicados, principalmente, fora do Brasil, como o informe disponibilizado no Consulado-Geral do Brasil em Hamamatsu, no Japão.

*Com informações da FENADADOS

Link curto: http://bit.ly/1hXAyYL
TAGS RELACIONADAS